Decole seu Negócio - O Poder da Inovação Tecnológica



O processo de inovação tecnológica se caracteriza por um conjunto de fases essenciais visando a implementação de melhorias ou desenvolvimento de determinado processo produtivo ou serviço. Nesse sentido, existem duas teorias predominantes a respeito da origem das inovações tecnológicas.


A primeira afirma que o impulso tecnológico é derivado dos setores de pesquisa e desenvolvimento científico, contudo, sem pretensões lucrativas. A segunda, por sua vez, diz que as necessidades do mercado impõem às empresas a necessidade da criação de estratégias utilizando as novas tecnologias com foco em suprir as necessidades dos consumidores e da própria organização.


Levando em consideração essas informações, este artigo se propõe a falar sobre o processo de inovação tecnológica focada no atendimento das necessidades do mercado, aplicado nas empresas. Confira a seguir!


As fases do processo de inovação tecnológica


Como já mencionamos, o processo de inovação tecnológica, que objetiva atender as demandas do mercado, é constituído de algumas fases. Falaremos sobre algumas delas a seguir:


1. Pesquisa básica


A pesquisa básica é uma fase do processo de inovação tecnológica que ocorre apenas em grandes empresas, geralmente nas seguintes áreas: de tecnologia da informação, de energia e a farmacêutica, pois costumam ter seus próprios departamentos de pesquisa e desenvolvimento, sendo atualizados frequentemente sobre as tecnologias que mais causam impactos no ambiente empresarial.


2. Pesquisa aplicada


Quando é detectada uma necessidade específica de mercado, que pode representar uma oportunidade para desenvolver uma vantagem competitiva sustentável, a empresa busca entre as tecnologias, aquelas que abrem caminho para a solução do problema. Neste ponto, você pode integrar tecnologias existentes de forma criativa e inovadora ou realmente desenvolver algo completamente novo.


3. Desenvolvimento


Quando é encontrada uma solução que atenda a uma necessidade do mercado, é hora de desenvolver um produto, serviço ou processo que será comercializado ou utilizado. Para tanto, é preciso criar um protótipo que deverá passar por alguns testes, preferencialmente com a ajuda do público-alvo.




É válido trazer duas vertentes importantes que serão utilizadas nessa fase do processo de inovação tecnológica. Veja:

  • O Design Thinking: que considera o modo de interação das pessoas em relação aos produtos e serviços inovadores;

  • O Scrum: responsável por possibilitar pequenas iterações, progressos incrementais no protótipo, bem como no restante do processo de inovação. Mantendo o foco sempre no usuário final

4. Engenharia


Uma vez que um protótipo é definido, é necessário convertê-lo em um produto ou serviço escalável, ou seja, passível de ser produzido em massa ou atender a necessidades específicas do setor. Materiais, fornecedores, formas adequadas de armazenamento e transporte, como conectar peças e entradas de receita, determinar quais profissionais precisam ser contratados e treinados, e outras medidas são estudadas nessa etapa.


5. Fabricação


Essa fase do processo de inovação tecnológica é um dos mais importantes, pois é responsável por estabelecer o modo ideal que será feito a entregar da solução criada ao cliente, prezando sempre pela eficiência e qualidade do trabalho. Assim, inicia-se a padronização dos processos, geralmente fazendo uso de programas de automatização, como os BPMS — ou, em português, Sistema de Gestão de Processos de Negócios.


6. Marketing


Nessa etapa, são realizados testes de conceito e alguns estudos de mercado a fim de verificar se algum ajuste deve ser realizado, levando em consideração a aceitação do público e o modo como a distribuição está sendo recebida em mercados-teste.


O processo de inovação, como podemos perceber, requer atenção em todas as suas fases, que deverão ser lideradas por profissionais qualificados, que possuam o entendimento necessário para que as demandas do mercado sejam atendidas.


E, para que todo processo ocorra como planejado, é fundamental contar com parceiros comprometidos com o crescimento da organização. Dessa forma, a Artycs tem como foco trazer novas experiências ao cliente aplicando tecnologias emergentes, tais quais a Open Innovation, Co-Development, Inovação Aberta, entre outras!


Gostou do nosso artigo e deseja saber como a Artycs pode ajudar você? Entre em contato!



32 visualizações

Obrigado por se inscrever.